sábado, 26 de junho de 2010

Que coisa boa!

As duas coisas que eu mais gosto de comer no México, juntas: tortilla e cactus (nopal)...

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Piadinha: "marido rico"...

Saiu no Financial Times (maior jornal sobre economia do mundo).



Uma moça escreveu um email para o jornal pedindo dicas sobre "como arrumar um marido rico". Contudo, mais inacreditável que o "pedido" da moça, foi a disposição de um rapaz que, muito inspirado, respondeu à mensagem, de forma muito bem fundamentada. Sensacional!!



Leiam...



E-mail da MOÇA:

"Sou uma garota linda (maravilhosamente linda) de 25 anos. Sou bem articulada e tenho classe. Estou querendo me casar com alguém que ganhe no mínimo meio milhão de dólares por ano. Tem algum homem que ganhe 500 mil ou mais neste jornal, ou alguma mulher casada com alguém que ganhe isso e que possa me dar algumas dicas? Já namorei homens que ganham por volta de 200 a 250 mil, mas não consigo passar disso. E 250 mil por ano não vão me fazer morar em Central Park West. Conheço uma mulher (da minha aula de ioga) que casou com um banqueiro e vive em Tribeca! E ela não é tão bonita quanto eu, nem é inteligente. Então, o que ela fez que eu não fiz? Qual a estratégia correta? Como eu chego ao nível dela? (Raphaella S.)"


Resposta do editor do jornal:

"Li sua consulta com grande interesse, pensei cuidadosamente no seu caso e fiz uma análise da situação. Primeiramente, eu ganho mais de 500 mil por ano. Portanto, não estou tomando o seu tempo a toa...


Isto posto, considero os fatos da seguinte forma: Visto da perspectiva de um homem como eu (que tenho os requisitos que você procura), o que você oferece é simplesmente um péssimo negócio. Eis o porquê: deixando as firulas de lado, o que você sugere é uma negociação simples, proposta clara, sem entrelinhas : Você entra com sua beleza física e eu entro com o dinheiro.


Mas tem um problema.


Com toda certeza, com o tempo a sua beleza vai diminuir e um dia acabar, ao contrário do meu dinheiro que, com o tempo, continuará aumentando.
Assim, em termos econômicos, você é um ativo sofrendo depreciação e eu sou um ativo rendendo dividendos. E você não somente sofre depreciação, mas sofre uma depreciação progressiva, ou seja, sempre aumenta! Explicando, você tem 25 anos hoje e deve continuar linda pelos próximos 5 ou 10 anos, mas sempre um pouco menos a cada ano. E no futuro, quando você se comparar com uma foto de hoje, verá que virou um caco. Isto é, hoje você está em 'alta', na época ideal de ser vendida, mas não de ser comprada.


Usando o linguajar de Wall Street , quem a tiver hoje deve mantê-la como 'trading position' (posição para comercializar) e não como 'buy and hold' (compre e retenha), que é para o quê você se oferece... Portanto, ainda em termos comerciais, casar (que é um 'buy and ho ld') com você não é um bom negócio a médio/longo prazo! Mas alugá-la, sim! Assim, em termos sociais, um negócio razoável a se cogitar é namorar. Cogitar... Mas, já cogitando, e para certificar-me do quão 'articulada, com classe e maravilhosamente linda' seja você, eu, na condição de provável futuro locatário dessa 'máquina', quero tão somente o que é de praxe: fazer um 'test drive' antes de fechar o negócio...podemos marcar?"

(Philip Stephens, associate editor of the Financial Times - USA)"

domingo, 13 de junho de 2010

Copa do Mundo na TV

Não dá pra acreditar, mas em nenhum canal do pacote full que tenho da Cablevision vai passar o jogo do Brasil do dia 15. Queria entender a cabeça desses mexicanos. Esse jogo do Brasil deve ser um dos mais importantes até agora na Copa e simplemente nenhum canal vai transmitir. E essa gente que tem uma excelente experiência comercial nem tem um super pacote da Copa do Mundo pra vender. Vai entender...

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Joguinho viciante...

Comecei a jogar o We Rule. Um jogo do tipo FarmVille para iPhone/iPad. Bem interessante. O objetivo é montar um reino, ganhar dinheiro e seguir comprando mais terras e expandir. Legal...

Mais uma do Gato... Crescendo...

sábado, 5 de junho de 2010

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Setembro, "Fiestas Pátrias"

Acho que a viagem de setembro está definida. "Fiestas Pátrias" porque aqui no México dias 15 e 16 de setembro são feriados... Assim, a semana em que se comemora a independência do México é praticamente morta...

Estou tentando reservar os vôos para passar uma semana em Honolulu, Hawaii. Aproveitar para pegar os últimos dias de sol e muito calor em Waikiki. Agora é esperar que dê certo a reserva do vôo, já que tenho que usar meus KMs Premier da Aeromexico para voar até lá. São quase 9 horas totais de vôo: 3:30h até Los Angeles e depois mais 5:00h até Honolulu, mas vale a pena.

Estive a primeira vez (e única) no Hawaii em 2003. Foi uma viagem muito legal e pude conhecer só um pouco do que é o Hawaii. De verdade, é um paraíso. Água azul, areias brancas, tudo extremamente limpo, um clima impressionante e uma atmosfera bem diferente de tudo que já tinha visto. Já desde a chegada ao aeroporto tem-se a impressão de estar chegando à Ilha da Fantasia, só faltou o Tatu esperando na porta do avião. A música, os costumes, a maneira do povo se vestir... É tudo turismo, tudo voltado para atender bem o turista.

Hotéis grandiosos, tudo muito gigante. Por exemplo, fiz uma reserva no Hilton Hawaiian Village. Só esse hotel tem 2890 quartos! E há pelo menos outros 100 nesse nível.

Veja a foto que estou mandando...

Espero que dê certo a reserva do vôo...

Blog Archive

Total de visualizações de página